Tg-Doxa - Professor Tiago Lacerda
Filosofia, Sociologia e Direito





Para confirmar, clique em cadastrar e confira em sua caixa de e-mails.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Meus gritos se calam



Quero e não faço, mas não sei o porquê.
Desejos e vontades ocultos,
Vida cercada por vidas
Quantas miradas!

Vejo, mas imagino que poderia ser mais.
Olhos fechados para o além,
As miradas disfarçam-se
O desejo vem.

Penso em sair, mas o lar é cômodo.
Penso em agir, mas me foge às mãos.
Calo e descubro que são apenas assombrações
Que em meio às constelações não querem me ver brilhar.

Se brilho creio que foi demasiado.
Se no escuro, choro a luz.
Quantas bobeiras me invadem
Quantas se esvaem.

Escrevo para não falar.
Quando falo não sei pronunciar.
Faltam-me palavras concisas
Sou prolixo lançado ao ar.

Falo de mais sem abrir a boca
Nunca me foi necessário, por que agora?
Meu olhar, minha voz se comunicam
E meus gritos se inflamam.

E meus gritos se calam
E meus gritos me malham
E meus gritos me assolam
E meus gritos se esvaem.

6 comentários:

Jaderson Pissinati disse...

Querer e não fazer já era o dilema de São Paulo: vivia praticando o mal que não queria, mas não conseguia fazer o bem que queria. Também vivemos sempre o oposto do que queríamos ser. Talvez se gritássemos quando não deveríamos silenciar ou se calássemos quando não deveríamos gritar, poderíamos expressar melhor os nossos sentimentos ou as verdades que julgamos possuir. Que nossos gritos se calem sempre que não precisarem ser ouvidos.

Tiago Eurico de Lacerda disse...

O nosso grito não pode ficar preso! Nossa voz deve ecoar para que nossos sonhos e objetivos sejam aclarados! O medo somente nos impede de continuar.Sempre haverá alguém precisando de nossos gritos, sempre haverá alguem com menos forças e se nos calarmos, não seremos profetas, mas um qualquer que se cala e deixa que seus gritos se inflamem.

Jonas Rodrigues disse...

Saiba que aprecio muito o seu trabalho e a sua pessoa, aprendo muito com tu. Te admiro muito, pois você é muito especial e diferente. É o verdadeiro amigo, de todos momentos, horas e situações... "A sua amizade é o melhor presente que uma pessoa nessa vida poderia ganhar".
Obrigado por tudo, meu amicíssimo.

rodrigo disse...

" Tenho que gritar, tem que arriscar, ai de mim de não o faço.Como escapar de Ti, como não falar se a Tua voz me queima dentro?" viver todos os dias nessa certeza,pois é uma necessidade que se impõe...

abraços

Mara Rúbia

orvalho do ceu disse...

Ei, Tiago
Que beleza se expressar pela forma escrita, utilizando a net para o bem!
Tem época que me sinto sufocada... escrever me faz muitíssimo bem, não só converso comigo mesmo, como ajudo meu semelhante com minha experiência... Partilhar o que nos sufoca... o que "grita" em nós... é divino e digno de ser respeitado e acolhido com carinho, meu irmão.
Deus seja louvado pela sua vida "intransigente"... que se recusa em sair da mesmice... Parabéns!
braços fraternos
Roselia
spiritual-idade.spaces.live.com

Anônimo disse...

Ola primo,
Não sabia q vc escreve tão bem assim, até me emocionei.
Historias lindas.Tiago continui assim que vc fará muitas pessoas
felizes.Parabéns
Márcia e família.

Related Posts with Thumbnails

Postagens mais visitadas na última semana!